Como instalar o Spark Messenger no Ubuntu

Spark Messenger Linux

O Spark é o cliente de chat oficial do Open Fire, um servidor de comunicação em rede interna, muito comum em empresas onde a comunicação se dá por intranet.
Além de ser um software livre, ele é multiplataforma
é pode ser instalado tanto em Windows, como Linux e Mac, entretanto a instalação dele no Ubuntu é um pouco mais complicada do que deveria por isso estou realizando este tutorial para ajudar a todos que tem essa necessidade.

Instalando Spark 2.6.3 no Ubuntu 14.04

Procedimento via Terminal:

1- Baixando o pacote:
#wget http://download.igniterealtime.org/spark/spark_2_6_3.tar.gz

2- Descompactando o pacote:
#tar -zxvf spark_2_6_3.tar.gz

3- Criando o diretório spark
#sudo mkdir /opt/Spark

4- Movendo o diretório Spark para o diretório /opt
#sudo mv Spark/* /opt/Spark

5- Entrando na pasta /opt/Spark
#cd /opt/Spark/

6- Editar o arquivo spark.desktop
#sudo nano /usr/share/applications/spark.desktop

Obs: Copie e cole o conteúdo abaixo.
========================================
[Desktop Entry] Name=Spark
Version=2.6.3
GenericName=Spark
X-GNOME-FullName=Spark
Comment=ignite realtime Spark IM client
Type=Application
Categories=Application;Utility;
Path=/opt/Spark
Exec=/bin/bash Spark
Terminal=false
StartupNotify=true
Icon=/opt/Spark/spark.png
TargetEnvironment=Unity
========================================

7-Baixando ícone do Spark
#sudo wget https://dl.dropbox.com/u/50880014/spark.png

8- Atualizando repositório:
#sudo apt-get update

9- Instalando pacote libxtst6:i386
#sudo apt-get install libxtst6:i386

10- Instalando pacote libxi6:i386
#sudo apt-get install libxi6:i386

11- Para rodar o programa, primeiro rode via terminal:
#/bin/bash /opt/Spark/Spark

12- Colocando o ícone Spark na Barra de Ícones(atalho)
Pesquise pelo primeiro ícone por: Spark

13-Arraste até a barra de ícones.

Le voilà ! Seu spark funcionando no ubuntu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como apagar arquivos e pastas pelo terminal do UbuntuAcessar